27 de mar de 2011

MORTOS VIVOS !!!



Olhe bem essa foto , tem muita gente enterrada até a cabeça em vícios , escravas de uma vida que é muito difícil sair , mas , não é impossível .
Alguns dias atrás fui visitar uma instituição onde ficam crianças infratoras . Um lugar bem estruturado , bem diferente daquelas que ouvimos falar alguns anos atrás (funabem) , que era um desastre para qualquer um , que fosse obrigado a permanecer ali     
por algum tempo . 
Encontrei naquele lugar crianças entre 8 a 16 anos viciadas em cocaína e o crack.

Crack é uma droga, geralmente fumada, feita a partir da mistura de pasta de cocaína com bicarbonato de sódio.[1] É uma forma impura de cocaína e não um sub-produto. O nome deriva do verbo "to crack", que, em inglês, significa quebrar, devido aos pequenos estalidos produzidos pelos cristais (as pedras) ao serem queimados, como se quebrassem .
Muito triste ver crianças abandonadas pela familia , que vieram me abraçar pedindo um pouco de carinho.
Tenho muita sorte de não ter consumido o crack , pois ele tem um poder desastroso e fulminante naqueles que o conhecem .
Estamos vendo no dia a dia , em praças , obras abandonadas , ruas , em todo lugar esse veneno consumindo vidas .Alguns de nós tem conhecidos que repentinamente estão se definhando com esse mal . Porque as autoridades não fazem nada pra ajudar , tantos que estão jogados à própria sorte?
O tratamento é caro e os interesses são outros , salários altíssimos para uma corja de governantes , que a maior preocupação é com o próprio bem estar . E homens que se dizem escolhidos de Deus , preocupados em construir templos e mais templos , cada um maior que o outro . Será essa a verdadeira vontade de Deus ? Pra que tanta ostentação ? 
Realmente cada vez mais podemos ver que o fim está muito próximo mesmo . 
Que Deus tenha misericórdia de nossas almas !
         Graça e Paz !

Um comentário:

Laiza Almeida disse...

Obg por estar participando do meu blog, tb estou te seguindo. Que Deus continue te abençoando e te usando para a glória dEle, fica na paz!